Buscar
  • João M.M.F. Silva

Como não ser enganado nessa Black Friday

O dia de Ação de Graças (Thanksgiving) atualmente é marcado por anteceder a Black Friday. Todos os anos desde que teve início, milhares de pessoas esperam por essa sexta-feira para comprar alguns itens cobiçados, sejam eles smartphones, air fryers, aspiradores de pó, ou outros itens de compra comparada. Isso ocorre porque nessa data as empresas oferecem descontos imbatíveis se comparados com o resto do ano. Mas, como saber se uma placa de desconto de fato representa uma diminuição do preço daquele produto? Será que o percentual de desconto apresentado é verdadeiro? Como saber que não estão te enganando? Nessa coluna “Prospere no Exterior” vamos discutir algumas ferramentas para que você não seja “passado pra trás” nessa Black Friday.


A primeira tática para não ser ludibriado nessa Black Friday é o bom e básico planejamento. Sair passeando entre lojas com um cartão de crédito sem ter ideia do que precisa comprar (se é que de fato exista uma necessidade), pode ser um grande perigo para o seu bolso (além da sua saúde atualmente). Então, aproveite essa ocasião para comprar os itens que já vinha acompanhando e desejando a algum tempo. Certa vez um sábio me aconselhou a me “engravidar” de itens de maior valor. Em outras palavras, permita que você amadureça a ideia de comprar um item, analise as suas características, analise tuas necessidades, assista ou leia “reviews” daquele produto, até chegar o ponto de “conceber” a compra. Faça o teste! Vai ver que em alguns casos a compra pode demorar literalmente mais do que uma gravidez regular.

A segunda ferramenta que irá te ajudar nessa sexta-feira é uma extensão do seu “internet browser” (Safari, Chrome, Explorer) chamada Honey**. Em outras palavras é um aplicativo que trabalha junto com o seu navegador de internet. Essa extensão te mostra o histórico de preços de um item, o que te possibilita saber se o anúncio de desconto é real ou apenas uma isca. Além disso, essa extensão é capaz de mostrar se existe algum “coupon” de desconto aplicável àquele item.

Honey, porém, não é o único recurso que sugere cupons de descontos. A extensão PriceBlink*** além de indicar coupons de descontos, também compara o preço com outras lojas. Logo, se uma loja está praticando um preço mais baixo do que o próprio preço, mas ainda assim, essa tarifa está mais alta do que a de outra loja, PriceBlink irá te alertar para que você aproveite a melhor oferta. Todavia, essa extensão não está disponível para Safari; logo, se você é usuário IOS, deverá instalar o Google Chrome para ter acesso a essa extensão.

Em resumo, se deseja ver o histórico de preços, a ferramenta certa é o Honey. Se deseja comparar o preço com o de outras lojas, utilize o PriceBlink. Ambas te indicam “coupons” de desconto, porém particularmente, acho o PriceBlink mais prático para esse uso.

Para concluir, lembre-se de que esse ano estamos no meio de uma pandemia, por isso empresas estão incentivando o consumo online por meio de descontos exclusivos e extensão de prazos de devolução. Isso explica o porquê nossas dicas foram voltadas principalmente para o comércio eletrônico. Todavia, se desejar sair para as compras pessoalmente, lembre-se de tomar as devidas precauções para que sua saúde esteja bem, assim como seu bolso.


*Itens de compra comparada são aqueles que possuem um valor que faz com que o consumido analise as opções antes da compra. Desde eletrodomésticos até veículos automotores podem se enquadrar nessa categoria.

**disponível em: www.joinhoney.com

***disponível em: www.priceblink.com

9 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo