Buscar
  • João M.M.F. Silva

O que grandes líderes têm em comum?

Já teve foi liderado por um bom líder? Já teve algum líder ruim? Você considera ser líder em algum lugar? Todos nós exercemos liderança ate um certo nível. Alguns são líderes no local onde trabalham, outros são líderes em casa, e alguns exercem liderança sobre si mesmos. Uns exercem uma boa liderança, e outros deixam a desejar. O que diferencia um bom líder de um líder ruim?

Em relação aos líderes ruins, não é difícil identificar seus comportamentos. Normalmente são egoístas, não se comunicam bem, suas palavras e suas atitudes não convergem e não são capazes de reconhecer quando erram. Se deseja ser um bom líder, desenvolver o oposto das características citadas, já é um avanço considerável. Quanto aos grandes líderes, o que eles tem em comum? O que Steve Jobs, Martin L. King e Jesus têm que outros líderes não compartilham?

Quando pensamos em Steve Jobs, inevitavelmente pensamos em Apple. Em 1997

, ao retornar ao comando da empresa, Jobs compartilhou em que a empresa acreditava. Na ocasião ele disse que “pessoas com paixão podem mudar o mundo para melhor.” Com essa afirmação, Steve compartilha o propósito da empresa. E a partir de seu retorno ao comando da companhia, a Apple passa a vender não apenas computadores ou smartphones, mas paixão. É essa paixão pela inovação que faz com que várias pessoas esperem horas na fila para o lançamento de um novo Iphone. É essa paixão que fez com que Steve Jobs deixasse um legado tão sólido em uma economia tão fluida devido a tantos avanços tecnológicos.

Outro líder que merece ser analisado, é o representante da luta pelos direitos civis, Martin L. King Jr. O que o senhor King tinha de especial? Martin tinha um sonho: “Eu tenho um sonho que minhas quatro crianças pequenas um dia irão viver em uma nação onde não serão julgados pela cor de sua pele, mas pelo conteúdo de seu caráter. Eu tenho um sonho hoje!” Essas foram suas indeléveis palavras proferidas em agosto de 1963, que na ocasião foram ouvidas por mais de 250,000. O senhor King Jr. acreditou em seu sonho até o fim, e por ele foi assassinado em abril de 1968. Seu sonho continua motivando pessoas a lutarem por essa causa até os dias de hoje.

Em se tratando de líderes que entregaram sua vida pelo que acreditaram, é inevitável falar de Jesus, considerado por muitos o maior líder que já existiu. Independente da religião que pratica, a influência de Jesus é de extrema relevância dado ao fato do próprio calendário em boa parte do mundo ser dividido em antes e depois de Cristo. O fato de milhões de pessoas continuarem a acreditar em suas palavras aproximadamente 2000 após sua morte, mostram que sua liderança é inquestionável. Isso se dá ao fato de Jesus ter sido coerente com suas palavras até o fim. Seu propósito estava bem claro para Ele, e Ele o cumpriu até as últimas consequências.

O que esses líderes têm em comum? Todos eles foram guiados por um propósito. Todos eles lideraram pelo exemplo. Todos eles acreditavam em algo a ponto de se dedicarem totalmente a esse fim. Independente de qual seja o seu nível de atuação como líder, esses exemplos, se seguidos e aplicados corretamente, pode te levar a um outro nível de liderança. Então, inspire-se, identifique seu propósito, sua causa e lidere pelo exemplo. Essa é a forma mais eficaz de se liderar. Para mais, acesse www.prosperenoexterior.com


Fontes: http://www.aforadventure.com/blog/2016/2/2/a-lesson-in-core-values-from-steve-jobs

https://www.history.com/topics/civil-rights-movement/i-have-a-dream-speech

0 visualização0 comentário

Posts recentes

Ver tudo